Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas para Hepatite C e Coinfecções

Publicações: 
Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas, Hepatite C
Última modificação: 
27.03.2018 - 09:53
Data da publicação: 
04.09.2017

Data última atualização: 26/03/2018 - VERSÃO NÃO DIAGRAMADA

O Protocolo Clínico e Diretrizes Terapêuticas para Hepatite C e Coinfecções 2018 tem como objetivo oferecer, no âmbito do SUS, uma estratégia custo-efetiva para o tratamento da hepatite C – com novas opções terapêuticas, acesso flexibilizado ao tratamento, menores índices de efeitos adversos e maior expectativa de cura. Essa nova proposta foi pautada, também, por ampla negociação de preços, a fim de alcançar a sustentabilidade e expandir o acesso à assistência no SUS.

Esta versão do protocolo apresenta entre as principais inovações a ampliação do acesso ao tratamento para todos os pacientes portadores de hepatite C, independentemente, do grau de comprometimento hepático e inclui o retratamento, para os pacientes que não obtiveram a resposta virológica sustentada em tratamentos anteriores. Inclui também a possiblidade de tratamento dos casos de hepatite C aguda com os antivirais de ação direta.