UNAIDS Brasil

SVS e UNAIDS fortalecem laços na luta contra o HIV

Nova diretora do UNAIDS Brasil é recebida pelo secretário de Vigilância em Saúde

09.10.2020 - 15:17
09.10.2020 - 15:17

O secretário de Vigilância em Saúde, Arnaldo Medeiros, deu boas-vindas à nova diretora do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Aids no Brasil (UNAIDS Brasil), Claudia Velasquez,  durante reunião realizada na quarta-feira (30/09). O titular da Secretaria de Vigilância em Saúde, do Ministério da Saúde, aproveitou a ocasião para fortalecer a parceria entre a pasta e o escritório no país. A reunião contou ainda com a participação do diretor do Departamento de Doenças de Condições Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis (DCCI/SVS), Gerson Pereira, da coordenadora-geral de Vigilância das Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST/DCCI/SVS), Angélica Espinosa, além de representantes da Assessoria de Assuntos Internacionais em Saúde (AISA), do Ministério da Saúde.  

“Ninguém está seguro, a não ser que todos estejam seguros”, lembrou o secretário Arnaldo, que colocou a expertise do DCCI/SVS  à disposição para o enfrentamento ao HIV e para continuar trabalhando em parceria com o escritório do UNAIDS no país.

De acordo com o secretário, o Brasil tem muito a contribuir com os países que ainda estão na construção de políticas para combater a doença. Medeiros ainda comentou que o Brasil tem feito doações humanitárias de medicamentos para tratamento de HIV para diversos países. “Inclusive, mesmo durante a pandemia, não deixamos faltar antirretrovirais e testes diagnósticos na ponta. O programa se mantém atuante, como sempre foi”, reforçou.

O diretor do DCCI, Gerson Pereira, ressaltou que “o programa de HIV do Brasil é grandioso e que  cerca de 700 mil pessoas estão em tratamento”, disse Gerson Pereira, ao citar que acompanha a resposta brasileira ao HIV, desde que os primeiros casos de aids foram notificados, no início da década de 80.   

A nova diretora do UNAIDS Brasil parabenizou o Ministério da Saúde por assegurar tratamento de ponta para todas as pessoas que vivem com HIV e disse que conta com a parceria brasileira no compartilhamento de experiências e na revisão da nova estratégia global do UNAIDS, para 2021-2026.

 

Departamento de Doenças de Condições Crônicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis

Conheça também a página do DIAHV no Facebook:
https://www.facebook.com/ISTAidsHV