LUTO

Morre em Porto Alegre a ativista Fátima Machado

Referência em redução de danos, participou em defesa das pessoas que usam drogas

11.09.2019 - 11:17
11.09.2019 - 11:18

 

A ativista em redução de danos Fátima Berenice Machado morreu no sábado (7) em Porto Alegre. Colaboradora na elaboração da Agenda Estratégica para a ampliação do Acesso e cuidado Integral das Populações Chave em HIV, Hepatites Virais e outras Infecções Sexualmente Transmissíveis, também foi uma das incentivadoras da criação da Associação Brasileira de Redução de Danos (Aborda), criada em 1997.

Fátima Machado também atuou como mobilizadora estadual de redução de danos em seu estado, Rio Grande do Sul, e participou das lutas pela garantia de direitos humanos das populações-chave e em defesa do empoderamento das pessoas que usam drogas.

O Departamento de Doenças de Condições Crónicas e Infecções Sexualmente Transmissíveis (DCCI) se solidariza com familiares e ativistas pela perda de Fátima Berenice Machado.