Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais

Departamento de DST, Aids e Hepatites Virais

Portal sobre aids, doenças sexualmente transmissíveis e hepatites virais


A- A+

O Instituto Estadual de Infectologia São Sebastião (IEISS), referência nacional para atendimento de pacientes com doenças infecto...

Conteúdo extra: Galeria de fotos

Natanael Damasceno


O Instituto Estadual de Infectologia São Sebastião (IEISS), referência nacional para atendimento de pacientes com doenças infecto-contagiosas (como gripe aviária, meningite e Aids), está prestes a parar porque as reformas prometidas pelo estado ainda não saíram do papel. A afirmação é de representantes do Conselho Regional de Medicina do Rio de Janeiro (Cremerj) que estiveram ontem no Caju para vistoriar o hospital.


- O governo do estado se comprometeu a consertar ao menos a parte elétrica até o fim do ano passado. Como isso não foi feito, uma série de procedimentos e pesquisas estão parados - disse Pablo Vazquez, da comissão de Saúde Pública do Cremerj.


Segundo ele, foram constatadas as mesmas irregularidades levantadas por outras vistorias no início do ano.


- A capacidade de internação do instituto é de 120 pacientes, mas, por causa dos problemas, só há 14 pessoas internadas no instituto. É uma tragédia que tenhamos chegado a esta situação, uma vez que a verba para as reformas já tenham sido liberadas - lamentou Vazquez.


O Cremerj afirmou que irá hoje ao Ministério Público para pedir providências e anunciou que fará no dia 12 uma grande manifestação para denunciar o abandono do hospital.


A Secretaria estadual de Saúde reconheceu que há problemas de estrutura no prédio. Segundo o secretário Gilson Cantarino, o estado autorizou a liberação dos recursos para as reformas necessárias e as licitações para as obras já estão em andamento.

Tags: