Departamento de Vigilância, Prevenção e Controle das IST, do HIV/Aids e das Hepatites Virais

Departamento de Vigilância, Prevenção e Controle das IST, do HIV/Aids e das Hepatites Virais

Portal sobre aids, infecções sexualmente transmissíveis e hepatites virais


A- A+

PARCERIA
 

Presidente do aplicativo Hornet visita o Departamento das IST, do HIV/Aids e das Hepatites Virais

Sean Howell expressou seu interesse em dar continuidade ao bem-sucedido projeto-piloto Close Certo com o DIAHV, o Unaids e a Unesco

Conteúdo extra: Galeria de fotos

“O Brasil é o nosso maior mercado na América Latina – e estamos expandindo nossas atividades na região a partir de São Paulo, que sediará o nosso sétimo escritório global”, disse na última quinta-feira, 5, o presidente e fundador do aplicativo de relacionamento Hornet, o norte-americano Sean Howell, em visita ao Departamento das IST, do HIV/Aids e das Hepatites Virais (DIAHV). O encontro contou com a presença do diretor substituto do DIAHV, João Paulo Toledo; de técnicos do Departamento; e de representantes do Programa Conjunto das Nações Unidas sobre HIV/Aids (Unaids).

Segundo Howell, o Brasil responde por 1 milhão dos 15 milhões de usuários do aplicativo em todo o mundo – e seu uso por aqui é particularmente intenso: em média, cada usuário brasileiro está ativo no app durante duas horas por dia. 

Os números explicam, em parte, o sucesso do projeto-piloto Close Certo, uma iniciativa do Hornet realizada em 2016 em parceria com o DIAHV, o Unaids e a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) para promover a disseminação de informações sobre prevenção, testagem e tratamento de HIV/aids durante as Olimpíadas e Paralimpíadas do Rio de Janeiro. Para Howell, o projeto é um exemplo do alcance do Hornet na abordagem dos diversos problemas inerentes à comunidade de homens que fazem sexo com homens (HSH) – e pode ser expandido a partir das lições aprendidas: “O HIV é uma grande preocupação para nós, e queremos manifestar nosso grande interesse em ampliar o projeto Close Certo”, disse. 

O diretor substituto do Departamento, João Paulo Toledo, afirmou, por sua vez, que “o projeto Close Certo faz parte da estratégia do DIAHV de estar cada vez mais próximo de suas populações-chave, utilizando os instrumentos e a linguagem que elas utilizam”. Para Toledo, “o uso de aplicativos de encontro como o Hornet tem se mostrado muito eficiente para dialogar com jovens gays e HSH sobre proteção e métodos de prevenção ao HIV e às IST”.

De acordo com a diretora do Unaids Brasil, Georgiana Braga-Orillard, o Close Certo foi uma demonstração da verve inovadora do DIAHV em sua resposta ao HIV/aids: “Estabelecer uma parceria como esta com um aplicativo de encontros para o público gay foi uma ação pioneira e corajosa, e uma excelente oportunidade de fortalecer essa comunidade”, disse.

PROJETO-PILOTO – Realizado durante 49 dias a partir de 1º de agosto de 2016, o projeto-piloto Close Certo reuniu 18 jovens (três deles tutores) capacitados pelo Ministério da Saúde a responder às perguntas dos usuários do aplicativo Hornet e a monitorar o projeto durante seu funcionamento. Os jovens foram identificados com o logo do Close Certo em seus perfis.

O funcionamento do projeto era simples: após demonstrarem interesse em um dos perfis do projeto, os usuários do Hornet recebiam mensagens com informações sobre HIV e outras infecções sexualmente transmissíveis, Profilaxia Pós-Exposição (PEP), serviços de saúde, prevenção combinada e o Disque-Saúde, entre outros.

Assessoria de Comunicação
Departamento das IST, do HIV/Aids e das Hepatites Virais

Conheça também a página do DIAHV no Facebook:
https://www.facebook.com/ISTAidsHV

 

Tags:

Share:

Twitter Facebook